Confira as ações desenvolvidas pela Secretaria de Assistência Social no combate à Violência contra à Mulher

A Secretaria Municipal de Assistência Social, através da Coordenadoria da Mulher, realizou, durante todo o mês de Agosto, diversas ações em alusão ao 13º aniversário da Lei Maria da Penha. As atividades foram postas em práticas visando a prevenção e o combate à todas as formas de violência contra as mulheres.

Diversos assuntos foram abordados e esclarecidos em tais ocasiões, à exemplo da caracterização da violência, com definição dos tipos, as principais causas, o perigo do ciclo vicioso do processo e os perfis das partes envolvidas.

Também foi explicado a importância da Lei Maria da Penha, enfatizando-se as medidas protetivas previstas em lei. Além disso, foi esclarecido quais serviços e dispositivos estão disponíveis, à nível municipal e estadual, para o atendimento das vitimas.

O feminicídio foi um assunto muito explorado. A equipe envolvida nos trabalhos, retratou, por meio de dados, o panorama nacional e, especificamente estadual, acerca do número de mulheres vítimas de assassinatos. Estatísticas que mostram uma realidade bastante preocupante.

Abaixo uma descrição detalhada de todas as ações que foram desenvolvidas:

Dia 01 à 08 de agosto – do 13° aniversário da Lei Maria da Penha e serviços de proteção às mulheres vítimas de violência, divulgação nas redes sociais.

Dia 09/08 às 09:30 – Roda de conversa com os visitadores do programa criança feliz.

Dia 14/08 pela manhã – Panfletagem e orientação sobre todos os tipos de violência contra a mulher, na escola Damião Zelo.

Dia 14/08 à tarde – Panfletagem e orientação sobre todos os tipos de violência contra a mulher – Público alvo: adolescentes/jovens do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Secretaria de Assistência Social.

Dia 19/08 às 14:00hs -Tecendo Redes – Capacitação da Rede de Serviços – Público alvo: Profissionais da Educação, Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Visitadores do Programa Criança Feliz, Agentes Comunitários de Saúde, equipes do Programa Saúde na Escola, Coordenações de Atenção Básica e da Vigilância em Saúde. Local: Câmara dos Vereadores.

Dia 21/08 às 14:00hs – Roda de conversa – Aspectos psicossociais da Violência doméstica – Lei Maria da Penha – Público alvo: Grupo de mulheres “Mãos Criativas” no auditório do CRAS.

Dia 21/08 às 16:00hs – Palestras/Rodas de conversas – Aspectos psicossociais da Violência doméstica – Lei Maria da Penha – Público alvo: Grupo da Zumba, no ginásio poliesportivo Danízio de Souza Gouveia.

Dia 26/08 às 15:00hs – Rodas de conversas sobre todos os tipos de violência contra as mulheres, no PSF da comunidade do sítio Açudinho – Palestrante: Coordenadora de Pol. Para as Mulheres, Lúcia Cândido.

Dia 27/08 ás 10:00hs – Palestra sobre os Aspectos Psicossociais da Violência doméstica – Lei Maria da Penha, no PSF de Santa Maria – Palestrante: Psicóloga Renally Guedes.

Dia 28/08 às 14:30min – II Fórum sobre violência doméstica e familiar, no auditório do CRAS – Público alvo: Sociedade em geral – Palestrantes: Renally Guedes, Psicóloga, e Laíse, Advogada do CREAS Regional.

Dia 28/08 às 14:30min – Palestra sobre os Aspectos psicossociais da violência doméstica – Lei Maria da Penha, e Chá da tarde no PSF de Seridó – Palestrantes: as assistentes sociais Cristiane Lima e Josefa Márcia.

A equipe contou com o apoio do Creas e das Secretarias de Saúde e Educação.

COMPARTILHAR