Coral Doce Melodia encanta plateia durante apresentação no Festival Paraibano de Coros

O Coral infantil Doce Melodia, composto por alunos da Escola Alzira Xavier das Neves da rede municipal de São Vicente do Seridó, participou e encantou a plateia da 17° edição do Festival Paraibano de Coros (Fepac), na noite desta quinta-feira (28). O evento de caráter internacional aconteceu nos dias 25 e se estende até este sábado (30) na Sala de Concerto José Siqueira, da Fundação Espaço Cultural (Funesc). Além do Coral de São Vicente do Seridó, 61 corais se apresentaram durante os seis dias de evento.

O XVII Fepac é uma realização conjunta do Governo do Estado, por meio da Fundação Espaço Cultural, Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Empresa Coteminas, além de apoios culturais. De acordo com o coordenador geral, maestro Eduardo Nóbrega, a Paraíba esteve bem representada com corais das cidades de São Vicente do Seridó, Bayeux, Boa Vista, Campina Grande, Lucena Nova Floresta, Picuí, Sapé e João Pessoa.

O Coral da Escola Alzira Xavier foi o segundo da noite do dia 28. Sob a regência do maestro Pedro Ramon, os participantes apresentaram um repertório com quatro músicas, dentre as quais está ‘Paraíba Joia Rara’ do cantor Ton Oliveira, que exalta as belezas da Paraíba. O grupo recebeu o troféu de participação do vice-presidente para a América Latina e Caribe da International Federation for Choral Music (IFCM), Cristian Grases.

Para a secretária de Educação, Juscileia Monteiro, foi de grande importância do Coral Doce Melodia no evento. “O evento é realizado anualmente, de caráter internacional e não competitivo. Com certeza, é o mais importante do Brasil e um dos cinco da América do Sul, e nosso coral deu um show de apresentação”, destacou.

Já a prefeita Graciete Dantas não escondeu o orgulho da apresentação do grupo. “É importante a participação do nosso coral nesse evento de nível internacional. Fiquei muito orgulhosa dos nossos jovens pois nos representaram muito bem. Meus parabéns a toda equipe envolvida pelo belíssimo trabalho”, expressou.

COMPARTILHAR